quarta-feira, 10 de abril de 2019

LA RUBIA CAFÉ ABRE ESPAÇO PARA DRAG QUEENS NO SÁBADRAG

Artistas podem se inscrever para realizar performances no cocktail bar da 404 Norte, aos sábados.


La Rubia Café - Foto de Bruno de Lima
O La Rubia Café (404 Norte) acaba de lançar o Sábadrag. O projeto, realizado aos sábados no cocktail bar, disponibiliza um espaço para performances de drag queens previamente selecionadas. Ao final do show, as artistas podem "passar o chapéu" junto ao público, a fim de recolher quantias em dinheiro daqueles que quiserem incentivá-las. Interessadas devem enviar currículo drag para o e-mail larubiacafe@gmail.com, com nome completo, nome artístico, telefone e e-mail, além de fotos e vídeos de divulgação ou arquivo pessoal.

Neste sábado (13/4), quem se apresenta é a drag queen Cassia Labaxúrias, vencedora da 3ª edição do La Rubia Drag Race, em 2018. O concurso também é uma realização do cocktail bar para eleger a drag mais ousada da cidade.

Para agitar o evento, a DJ La Rubia domina as pick-ups com muita house music, techno e outras surpresas sonoras. O couvert é obrigatório e custa R$ 5.

Incentivo à arte Drag:
O La Rubia Café também é conhecido pelos eventos que incentivam os trabalhos de drags da cidade. O bar já promoveu três edições do La Rubia Drag Race, para eleger as mais infames, fabulosas e inovadoras drag queens de Brasília. A última, em 2018, foi realizada no Festival Curta Brasília, no Cine Brasília. O concurso é inspirado no reality show RuPauls' Drag Race, e as inscrições são gratuitas.

Em Brasília, aumentou o interesse pelo universo das drags, com mais cursos na área, gravação de séries e documentários, blocos carnavalescos com milhares de pessoas nas ruas da capital, e muito engajamento político em busca de valorização e reconhecimento – atualmente, drags do DF que atuam profissionalmente se movimentam em prol da criação de um sindicato para a categoria.

As drag queens começaram a surgir nos Estados Unidos, na década de 1950. No início, eram marginalizadas, mas aos poucos foram conquistando espaço até atingirem o auge, nos anos 80 e 90. Depois disso, não pararam mais. Dominaram os palcos, as telinhas e telonas, os eventos e até mesmo as ruas. Hoje, são também um símbolo na luta pelo respeito à diversidade.

Uma Drag (acrônimo para Dressed Resembling A Girl, que significa “vestida semelhante a uma garota”) é reconhecida pela aparência nada discreta e as habilidades artísticas e sociais. Mas não basta caprichar na maquiagem e fazer uma produção à la Hollywood. Para tornar-se memorável, uma drag queen precisa ser deslumbrante, talentosa, única.

Sábadrag
Aos sábados, a partir das 18h, com performances de drags previamente inscritas pelo e-mail larubiacafe@gmail.com. Interessadas devem mandar currículo drag, com nome completo, nome artístico, telefone e e-mail, além de fotos e vídeos de divulgação ou arquivo pessoal.

CLN 404, Bloco B, Loja 44, Brasília-DF; Segunda, das 11h30 às 15h. De terça a quinta, das 11h30 às 15h e das 18h à 1h. Sexta e sábado, das 11h30 às 15h e das 18h às 2h. 

Postar um comentário

O botão Whatsapp funciona somente em dispositivos móveis