terça-feira, 4 de junho de 2019

Cine Brasília tem estreia de documentário "Chiquinho, o livreiro da UnB" e reprisa "Histórias Extraordinárias"

Foto divulgação 
Documentário sobre livreiro que é imagem do protagonismo da UnB estreia no Cine Brasília. Na mostra paga, espaço reprisa o clássico “Histórias Extraordinárias”; o brasileiro “A Sombra do Pai” segue em cartaz.

O Cine Brasília fecha a semana em grande estilo, com a estreia oficial do documentário “Chiquinho, o livreiro da UnB”, do jornalista Hélio Doyle, em exibição única e com entrada franca. Com acesso pago e a preços populares, em cartaz a reexibição do clássico “Histórias Extraordinárias” e a continuação de “A Sombra do Pai”. Confira sinopses, fichas técnicas e programação abaixo.

“Chiquinho, o livreiro da UnB”
De Hélio Doyle (2019, documentário, Brasil, 55 minutos, livre)

Sinopse: Toda universidade deveria ter um livreiro assim. Se for universidade mesmo, onde leitura,livros e pesquisa formam um trinômio que transforma estudantes em gente que pensa e produz intelectualmente. Num ambiente com desafios assim postos, ajuda muito ter um “assessor bibliográfico”, como o livreiro que se entricheirou atrás de obras impressas, num ponto estratégico do popular Minhocão, costuma se referir ao que faz. Há 40 anos no ofício, o piauiense e autodidata que se apaixonou pelos livros, ganha em vida a condição de herói de uma página ameaçada da história.

Serviço:
Sexta, 7, às 20h
Cine Brasília
Entrada Franca

Foto divulgação 
“Histórias Extraordinárias”
De Federico Fellini, Roger Vadim, Louis Malle (1968, Terror/suspense, Franca/Itália, 121 minutos, 16 anos)

Sinopse: Esse é um daqueles filmes que valeria pela direção. Certamente também pelo elenco (no qual despontam Alain Delon, Brigitte Bardot, Jane Fonda). Senão pela fonte literária em que se inspira, clássicos contos de Edgar Allan Poe. Quando as luzes se apagarem, surgirão na tela uma princesa cruel assombrada por um cavalo fantasmagórico, um jovem sádico assombrado por seu duplo e um ator alcoólatra assombrado pelo diabo. Imperdível.

“A Sombra do Pai”
De Gabriela Amaral (2019, drama, fantasia e horror, Brasil, 92 minutos, 16 anos)

Sinopse: O filme conta a história de pai e filha que não conseguem se comunicar. Órfã de mãe, Dalva (Nina Medeiros), 9 anos, vê o seu pai, o pedreiro Jorge (Julio Machado), ser consumido pela tristeza após perder o melhor amigo. Dalva acredita ter poderes sobrenaturais e ser capaz de trazer a mãe de volta. À medida que Jorge se torna mais ausente, e eventualmente perigoso, resta a Dalva a esperança de que sua mãe retorne…

Programação do Cine Brasília
Circuito Comercial (05 a 09 de junho), com cobrança de Ingresso

  • 5/6 – Quarta-feira. 16h – Histórias Extraordinárias.
  • 6/6 – Quinta-feira. 16h – Histórias Extraordinárias.
  • 7/6 – Sexta-feira. 16h – Histórias Extraordinárias. 18h – A Sombra do Pai.
  • 8/6 – Sábado. 16h – Histórias Extraordinárias. 18h – A Sombra do Pai. 20h – Histórias Extraordinárias.
  • 9/6 – Domingo. 16h – Histórias Extraordinárias. 18h – A Sombra do Pai. 20h – Histórias Extraordinárias.

Serviço:
Cine Brasília
Ingressos a R$ 12 inteira e R$ 6, meia.
Não aceita cartões

Postar um comentário

O botão Whatsapp funciona somente em dispositivos móveis