terça-feira, 20 de agosto de 2019

Filmes que tratam de adoecimentos psíquico e social entram em cartaz no Cine Brasília

Cine Brasília. Foto: Representação 
“Fourteen” traz abordagem sensível da depressão, e “Sol Vermelho” enfoca angústias de sociedade sob ditadura.

A programação que entra em cartaz no Cine Brasília nesta quinta-feira (22) traz dois filmes que lidam com os limites do ser humano diante do adoecimento psíquico (“Fourteen”) e da sociabilidade comprometida numa sociedade privada de democracia (“Vermelho Sol”). Continua em exibição “A noite dos Desesperados”, que permite pensar o papel da indústria cultural na gênese de “reality shows”.

Confira sinopses, fichas técnicas e programação.

“Fourteen”

De Dan Sallitt (2019, drama, EUA, 94 minutos, 12 anos)

Sinopse – Durante uma década, jovem moça torna-se cada vez mais debilitada e disfuncional devido a uma doença mental impossível de ser diagnosticada com clareza. Enquanto as pessoas mais distantes desconfiam que o problema tenha outras raízes, seus amigos mais próximos e familiares procuram as melhores formas para ajudá-la sem prejudicar seu cotidiano. Película traz uma abordagem sensível da depressão como sofrimento psíquico.

“Vermelho Sol” (Rojo)

De Benjamín Naishtat (2019, suspense/drama, Argentina/Brasil/França/ Alemanha/Holanda, 109 minutos, 14 anos)

Sinopse – Advogado de meia idade, de vida calma e confortável com esposa em pequena cidade da Argentina da década de 1970, tem seu mundo virado de cabeça para baixo quando um detetive particular aparece no local determinado a localizar um estranho com quem o advogado brigou meses antes num restaurante. No pano de fundo, a ditatura argentina e o esgarçamento da sociabilidade.

“A Noite dos Desesperados” (They Shoot Horses, Don’t they?)

De Sydney Pollack (1969, drama, EUA, 129 min, 14 anos)

Sinopse – Em 1929, em plena depressão americana, uma desumana maratona de dança premiava com US$ mil o casal que resistisse por mais tempo na pista, mesmo que isso representasse a morte para o vencedor. Baseado em romance de Horace McCoy com título homônimo, filme pauta a discussão da Indústria Cultural, que transforma tudo em mercadoria.

Programação 22 a 25 de agosto

22, quinta
16h- Fourteen
18h- Vermelho Sol
20h- A Noite dos Desesperados

23, sexta
16h – Fourteen
18h – Vermelho Sol
20h – A Noite dos Desesperados

24, sábado
16h- Fourteen
18h – Vermelho Sol
20h- A Noite dos Desesperados

25, domingo
16h- Fourteen
18h – Vermelho Sol
20h- A Noite dos Desesperados

Serviço:
Ingressos a R$ 12 (inteira); bilheteria não aceita cartões, apenas dinheiro.
Endereço: Asa Sul Entrequadra 106/107. Telefone: (61) 3244-1660.

Postar um comentário

O botão Whatsapp funciona somente em dispositivos móveis