Aulas on-line são positivas para os introspectivos

Divulgação timidez 


Especialistas explicam benefícios da EAD

Alguns alunos morrem de vergonha de levantar a mão e fazer uma pergunta em sala de aula. Mas com esse processo todo on-line, no conforto de casa, essa realidade vem mudando aos poucos. Os mais tímidos se sentem confiantes por trás da tela e podem se concentrar melhor sem a interferência de barulho ou conversas. 


Na avaliação do médico psiquiatra Luan Marques, a câmera permite que as crianças e adolescentes se soltem mais. “O ensino on-line tem uma linguagem mais próxima da realidade de telas vivenciada pelos jovens. Estudantes mais introspectivos podem se soltar mais, pois têm uma melhor e uma maior sensação de conforto e segurança”, explica.


Por trás da tela, eles se sentem mais seguros. Elimina-se o “estressor” da escola e espaço o para a autonomia é aberto. “Muitos alunos conseguem falar melhor outra língua pela tela do computador, pois entendem que ninguém vai olhar nos olhos ou corrigir em tempo real. Isso ajuda muito na desenvoltura ao longo do tempo”, afirma Kelly Cristine, sócia-proprietária da Skill Idiomas, em Ceilândia. 


O psiquiatra Luan Marques também alerta que a timidez é uma característica pessoal e não defeito. “São comportamentos que fazem parte da essência de cada um. O cuidado é na hora de perceber se é apenas timidez mesmo ou fobia social”, alerta.

Poste um Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem