Olimpíada de Química do DF tem inscrições até o dia 21

Este ano, competição será toda no formato virtual, em função da pandemia de covid-19 
Arte: SEE


Boa oportunidade para testar seus conhecimentos: até o dia 21, é possível se inscrever na Olimpíada Brasileira de Química do Distrito Federal e Entorno (OBQDFE). Podem participar estudantes dos ensinos médio e técnico integrado ao médio de escolas públicas e privadas. Para as inscrições, professores ou coordenadores das instituições educacionais devem preencher formulário eletrônico disponível gratuitamente na página da olimpíada.

 

Competição será no dia 28, em formato on-line


Com a proposta de estimular o processo de descoberta intelectual dos estudantes, a OBQDFE tem como objetivos identificar jovens talentos e incentivar o ingresso em carreiras nas áreas tecnológicas e científicas.


A competição ocorrerá no dia 28, totalmente on-line, por causa da pandemia. A participação dos alunos é voluntária, sem exigência de um número específico de candidatos por escola. Confira o regulamento. (Documento em PDF)


O resultado final será divulgado a partir de 15 de abril, na página eletrônica do Programa Nacional Olímpiadas de Química. A listagem terá somente os nomes dos estudantes que atingirem notas de pelo menos 50 pontos. No mesmo site, também podem ser conferidas as provas das olimpíadas de anos anteriores.


A Olimpíada Brasileira de Química do DF e Entorno é considerada como edição especial deste ano da Olímpiada de Química do Distrito Federal: ambas vão ocorrer de forma unificada.


As Olimpíadas Brasileiras de Química (OBQs) são vinculadas ao Programa Nacional de Olimpíadas de Química. Em Brasília, a OBQDFE também recebe apoio do Programa Olimpíadas Científicas (PrOCien-DF) da Subsecretaria de Educação Básica, da Secretaria de Educação (SEE).


As modalidades

A OBQDFE contará com duas modalidades: A, destinada aos estudantes regularmente matriculados na primeira e na segunda séries do ensino médio e também do técnico integrado ao ensino médio; e B, para os da terceira série do ensino médio e terceira e quarta séries do técnico integrado ao ensino médio.

 

Medalhas de ouro, prata e bronze fazem parte das premiações


Em cada uma das modalidades, os 50 estudantes que obtiverem melhor classificação – no total, 100 – poderão representar o Distrito Federal e Entorno na Fase III da Olimpíada Brasileira de Química de 2021, em datas ainda a serem divulgadas.


Premiação

Os três primeiros colocados por modalidade receberão certificados com menção de medalhas de ouro, prata e bronze, sucessivamente. Os estudantes com notas mais altas em cada uma das modalidades vão ganhar certificados com a menção honrosa e também de suas classificações referentes às medalhas.


O quantitativo de certificados com menção de medalhas poderá ser aumentado quando houver empate ou diferença de pontuação menor que 1% entre os dois últimos agraciados. Já aos estudantes que obtiverem notas maiores ou iguais a 50 pontos e não receberem certificados com menção de medalhas, serão destinados certificados de menção honrosa.


Acesse a página das Olimpíadas de Química.


Mais informações:


*Com informações da Secretaria de Educação 



Fonte: Agência Brasília

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem