Atividades on-line incentivam a doação de leite materno

Com o slogan Doação de leite humano: a pandemia trouxe mudanças, a sua doação traz esperança, a Secretaria de Saúde promove nesta semana atividades on-line para chamar a atenção sobre a importância do gesto solidário que ajuda a salvar vidas. Por meio da mobilização nas redes sociais, a ideia é mostrar que cada doação conta e pode fazer a diferença.

“Isso pode fazer a diferença na vida de muitos bebês. É importante que as mulheres, os profissionais de saúde e a sociedade saibam como ajudar” Miriam Santos, coordenadora das Políticas de Aleitamento Materno e Banco de Leite Humano

O Dia Nacional de Doação de Leite Humano é celebrado em 19 de maio dentro da Semana Nacional de Doação de Leite Humano. Em 2021, em virtude da pandemia de covid-19, as atividades serão desenvolvidas de forma virtual e incluem campanha nas redes sociais e eventos para debater o tema.

A coordenadora das Políticas de Aleitamento Materno e Banco de Leite Humano do DF, Miriam Santos, participa do Fórum de Cooperação Técnica Internacional Doação de Leite Humano — Lições aprendidas durante a pandemia de Covid-19. O que podemos fazer a mais? O evento, realizado pela Rede Global de Bancos de Leite Humano reúne mais de 30 países.

Inspiração para a rede

Miriam mediou nessa segunda-feira (17) o debate  Aprendendo e inovando para transpor a pandemia: As Vivências dos Bancos de Leite Humano das diferentes regiões do Brasil. Na ocasião, ela agradeceu o compartilhamento dos desafios enfrentados pelos bancos de leite do Brasil durante a pandemia e a partilha das novidades e ideias que podem servir de inspiração para toda a rede global.

Segundo Miriam, a pandemia trouxe muitas mudanças, e o desafio foi fazer com que a informação correta chegasse a todas as mulheres que desejam doar leite materno. Além disso, ela ressalta a relevância da data comemorativa.

“A importância da semana e do dia de doação de leite humano é promover conscientização e como isso pode fazer a diferença na vida de muitos bebês. É importante que as mulheres, os profissionais de saúde e a sociedade saibam como ajudar”, enfatizou.

A campanha promovida pela Secretaria de Saúde segue ao longo da semana com postagens sobre a temática no site e nas redes sociais oficiais da pasta: Instagram, Facebook e Twitter.

Lei de estímulo

A data comemorada foi estabelecida pela Lei nº 13.227/2015 com o intuito de estimular a doação de leite materno, promover debates sobre a importância do aleitamento materno e da doação de leite humano, além de divulgar os bancos de leite humano no próprio DF, nos estados e municípios.

No Distrito Federal, a Lei nº 5.51154/2013 instituiu a Semana Distrital de Doação de Leite Materno e a incluiu no calendário oficial de eventos do DF.

Como doar

Toda mulher que está amamentando pode ser voluntária e ajudar a salvar a vida de vários recém-nascidos. Para se tornar doadora, basta ligar para o telefone 160, opção 4 ou acessar o site Amamenta Brasília e se inscrever. Depois disso, as equipes do Banco de Leite Humano entrarão em contato para agendar a visita de integrantes do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal


*Com  informações da Secretaria de Saúde



Fonte: Agência Brasília

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem