Inscrições abertas para cadastro de instrutores da Egov

A Escola de Governo do Distrito Federal (Egov) lançou Edital de Chamamento Público, publicado no Diário Oficial do dia 19/3, para cadastro no banco de instrutores da instituição. Os servidores públicos interessados em fazer parte da equipe de instrutoria da Escola devem inscrever-se no processo seletivo para credenciamento e obedecer a todos os requisitos obrigatórios.

Poderão participar da seleção – composta por análise documental, análise curricular e aula-teste – os servidores estáveis regidos pela Lei Complementar no 840/2011 e os servidores estáveis requisitados junto a Municípios, Estados e União.

Os interessados devem ter diploma de conclusão de curso de graduação, em qualquer área do conhecimento, fornecido por Instituição de Ensino Superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

No Edital de Chamamento Público no 01/2021, os servidores interessados poderão obter todas as informações referentes ao processo seletivo, como inscrições, etapas, critérios de avaliação e pontuação mínima exigida para cadastramento no banco

Há cinco anos ministrando aulas na Egov, a servidora do GDF e especialista em Produtividade pelo método TriadPs, Sane Alessandra Marques destaca que, depois que passou a ministrar cursos na instituição, o seu conhecimento prático se multiplicou. “É muito enriquecedor ser instrutora da Egov, por conta do conhecimento que vamos adquirindo pelo contato com cursistas de várias instituições que estão representadas nas capacitações”.

A instrutora ainda acrescentou: “O instrutor precisa chegar com ótima bagagem técnica porque o nível dos servidores que procuram a Egov é muito alto – é alto em informação, pois são muito bem formados, e também é alto em iniciativa”. Sane Alessandra fez questão de elogiar também a infraestrutura e a logística da instituição.

As inscrições devem ser realizadas por meio de processo gerado no Sistema Eletrônico de Informações (SEI). Os candidatos podem escolher até três cursos

De acordo com a diretora-executiva da Egov, Juliana Tolentino, a expectativa de cadastrar novos instrutores é grande. “Temos um banco de instrutores muito rico, com profissionais habilitados para ministrar aulas em mais de oitenta cursos. Com o retorno das nossas atividades presenciais e com o incremento constante dos nossos cursos a distância, é necessário ampliar o Banco de instrutores da Egov, para atendermos à demanda dos órgãos do GDF”, esclareceu Tolentino.

No Edital de Chamamento Público no 01/2021, os servidores interessados poderão obter todas as informações referentes ao processo seletivo, como inscrições, etapas, critérios de avaliação e pontuação mínima exigida para cadastramento no banco.

Inscrições e resultados

As inscrições devem ser realizadas por meio de processo gerado no Sistema Eletrônico de Informações (SEI). Os candidatos podem escolher até três cursos, entre os elencados na lista de cursos/atividades de formação e capacitação para o triênio 2020 a 2022, disponível no endereço: http://egov.df.gov.br/banco-de-instrutores/.

Os resultados das etapas e o resultado final do processo seletivo para o Banco de instrutores da Egov serão comunicados aos candidatos pelo processo SEI. No caso de dúvida ou de contestação, a solicitação deverá ser encaminhada também por meio de despacho no processo SEI.

A Egov, órgão vinculado à Secretaria Executiva de Valorização e Qualidade de Vida (Sequali), da Secretaria de Estado de Economia (SEEC), tem a missão de formular, promover e coordenar a política de capacitação e desenvolvimento dos servidores públicos do Distrito Federal.

Para mais informações acesse o site: http://egov.df.gov.br/.

* Com informações da Egov



Fonte: Agência Brasília

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem