Almoço e café da manhã a R$ 1,50 para moradores de Arniqueira

“Hoje demos o primeiro passo para o restaurante comunitário e a UBS, e daqui a alguns dias assinaremos a licitação para a sede da administração, a creche e uma escola, além da feira” José Humberto Pires, secretário de Governo

Um dia antes de completar dois anos de criação, a Região Administrativa (RA) de Arniqueira vai receber dois importantes equipamentos públicos. Nesta quinta-feira (30), foi assinada a autorização para a licitação que permitirá construir na cidade um restaurante comunitário – com café da manhã a R$ 0,50 e refeições a R$ 1 – e uma Unidade Básica de Saúde (UBS). A previsão de investimento para os dois espaços é de R$ 11 milhões, gerando mais de 200 oportunidades de emprego. A responsável pelas obras é a Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap).

“Quando o governador Ibaneis Rocha assumiu o governo, ele disse que ia criar duas administrações novas: Sol Nascente/Pôr do Sol e Arniqueira”, lembrou o secretário de Governo, José Humberto Pires. “Hoje demos o primeiro passo para o restaurante comunitário e a UBS, e daqui a alguns dias assinaremos a licitação para a sede da administração, a creche e uma escola, além da feira.”

Restaurante comunitário será adaptado às instalações de um prédio que já existe na QS 09 | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

A administradora de Arniqueira, Telma Rufino, reforçou que esses equipamentos públicos vêm para melhorar a vida dos moradores da cidade. “Eles precisam desses espaços”, disse. “O governo está trabalhando e investindo muito para acompanhar o crescimento da região”.

O diretor-presidente da Novacap, Fernando Leite, explicou que o restaurante comunitário será adaptado às instalações de um prédio que já existe na QS 09, na Avenida Águas Claras, próximo ao Pistão Sul. “A estrutura será totalmente reformada”, detalhou. “A UBS será um mini-hospital, a ser construído ao lado da sede da administração. A expectativa é que a gente comece as obras este ano”.

Regularização

O governador Ibaneis Rocha sancionou a lei que cria a região administrativa de Arniqueira em 1º de outubro de 2019. Desde então, a vida de cerca de 46 mil pessoas começou a mudar. A regularização fundiária, por exemplo, já começou para 1,4 mil moradores. O GDF também investe na infraestrutura da região, o que inclui a construção de uma escola que vai atender alunos a partir do 6º ano do ensino fundamental.

 



Fonte: Agência Brasília

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem