Cidade Estrutural ganha 579 luminárias de LED

A CEB Iluminação Pública (CEB/Ipes) deu início a mais uma ação do programa Luz que Protege na Cidade Estrutural. Os setores Central e Leste vão receber 579 luminárias de LED para substituir as luminárias convencionais instaladas nas regiões. A nova iluminação, mais potente e eficaz, vai trazer diversos benefícios para a população, como afirma o presidente da CEB, Edison Garcia.

“A luz é um instrumento de cidadania e tem o poder de melhorar a qualidade de vida da comunidade, através do aumento da visibilidade e da sensação de segurança”, disse Garcia.

Em junho deste ano, a CEB executou o projeto que eficientizou 147 luminárias na região de Santa Luzia, também situada na Cidade Estrutural.

“Comunicar mais essa benfeitoria para a população é uma honra e alegria para nós da Administração. A nova iluminação vai trazer mais segurança para quem estuda à noite, para quem vai ou volta do trabalho quando está escuro, para os comerciantes e toda a comunidade. Só temos a agradecer a CEB e a parceria com o deputado Rafael Prudente, que tem olhado pela na nossa cidade tão carente”, disse a administradora da SCIA/Cidade Estrutural, Vânia Gurgel.

O programa Luz que Protege, de iniciativa da CEB, que objetiva aumentar a segurança da população através da revitalização da iluminação pública| Foto: Gilberto Alves/CEB/Ipes

Os recursos para a execução do projeto são provenientes da Contribuição de Iluminação Pública (CIP), no valor de R$ 432 mil, e destinados para a Cidade Estrutural a pedido do deputado distrital Rafael Prudente.

“A Estrutural precisava desta modernização na iluminação pública. As novas lâmpadas de LED proporcionarão mais segurança e tranquilidade para os moradores. Quero agradecer ao governador Ibaneis e ao presidente da CEB,  Edison Garcia, pela liberação dos recursos e a execução deste importante projeto”, declarou o deputado Prudente.

Moradora da Estrutural há 23 anos, Katia Gonçalves trabalha como vendedora de uma loja de ferragens situada na Rua 8 do Setor de Oficinas, e conta que está empolgada com a chegada do LED na região. “A nova iluminação vai ajudar muito, principalmente quando eu saio do trabalho e quando eu vou para a Igreja”, disse.

A ação faz parte do programa Luz que Protege, de iniciativa da CEB/Ipes, que objetiva aumentar a segurança da população através da revitalização da iluminação pública. Para tanto, são destacadas áreas sensíveis ao maior índice de criminalidade, de acordo com as informações fornecidas da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Distrito Federal. A previsão para conclusão do projeto é o dia 4 de setembro.

*Com informações da CEB/Ipes



Fonte: Agência Brasília

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem