Escolas públicas podem participar do Projeto Reciclotech

Estudantes da rede pública poderão participar de cursos, gincana e ainda ganhar a revitalização de laboratórios de informática das escolas onde estão matriculados. As ações são oferecidas pelo Projeto Reciclotech, idealizado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do DF, e atualmente conta com a parceria da Secretaria de Educação do DF.  As unidades escolares da rede pública de ensino têm até o dia 11 de setembro para efetivar inscrição on-line.

O objetivo do projeto é capacitar profissionalmente os jovens em prol da educação ambiental e da inclusão digital. Robótica, informática básica e manutenção de computadores são os cursos oferecidos, de forma totalmente gratuita.

As escolas interessadas em ofertá-los devem preencher alguns requisitos para inscrição, entre eles: ter um laboratório de informática que conte com 20 máquinas, no mínimo. O espaço da unidade também deve comportar de maneira segura os 20 estudantes, da forma que o momento atual ainda exige – distanciamento.

As aulas ocorrerão em setembro e outubro, nas escolas escolhidas pelo programa. A ideia é desenvolver os princípios de recondicionamento de lixo eletrônico, educação ambiental e preservação do meio ambiente.

Revitalização de laboratórios de informática

Outra ação do Reciclotech é a revitalização de laboratórios em escolas públicas do DF. As unidades terão conserto, atualização e formatação dos computadores, realizados na própria escola, sob a supervisão de um funcionário indicado pela direção.

Para participar, as coordenações regionais de ensino do DF devem reunir pelo menos cinco escolas, cada uma com no mínimo dez máquinas, e efetivar inscrição por meio deste formulário virtual. As instituições educacionais serão selecionadas pela ordem de manifestação de interesse e pelo preenchimento dos requisitos.

A partir de 13 de setembro, serão recondicionadas até 500 máquinas.

Gincana nas escolas

A atividade Reciclotech Chega às Escolas na Volta às Aulas é uma gincana com objetivo de arrecadar 100 toneladas de lixo eletrônico. Poderão participar 100 escolas da rede pública, sendo 50 de ensino fundamental e 50 de ensino médio. As inscrições também são on-line.

As unidades serão contempladas pela ordem de manifestação de interesse. Os postos de coleta nas unidades escolhidas serão instalados a partir de 13 de setembro.

 



Fonte: Agência Brasília

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem