Brasília e Fortaleza se unem para promover turismo cívico e criativo

Aproveitando a presença de artistas cearenses em Brasília, com a exposição “Macedônia”, as secretarias de Turismo do Distrito Federal e de Fortaleza-CE assinam, no Museu da República, na Esplanada dos Ministérios, um Acordo de Cooperação Técnica sobre Turismo Cívico Pedagógico e Cidade Criativa do Design, que vai promover o intercâmbio de alunos das redes públicas de ensino das duas cidades, para conhecer história do Brasil e criatividade artística e econômica, com aulas in loco.

O acordo visa ampliar o conhecimento, envolvendo as respectivas secretarias de Educação e, ao mesmo tempo, promover futuro fluxo turístico para Brasília e Fortaleza, reconhecidas internacionalmente pela classificação criativa da Unesco.

O Projeto de Turismo Cívico Pedagógico já está em cinco estados e seis cidades, por meio de convênio com as prefeituras de Recife (PE), São Luís (MA), Pirenópolis (GO), Cláudio (MG), Casimiro de Abreu e Vassouras (RJ).

A secretaria de Turismo do DF firmou o ACT com o vice-prefeito de Fortaleza, Élcio Batista e o secretário de Turismo da capital cearense, Alexandre Pereira, na tarde desta sexta-feira, em solenidade no Museu da República, representada pelo secretário Executivo, Rodrigo Costa. O local foi escolhido por estar recebendo as obras dos os artistas Wilson Neto e Daniel Chastinet, que em 2019 fizeram uma residência artística na cidade de Bitola, na Macedônia do Norte. Na bagagem de volta trouxeram registros, desenhos e lembranças. A exposição “Macedônia” é o resultado desta experiência.

Secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça e o secretário de Turismo de Fortaleza, Alexandre Pereira. Foto- Setur-DF

Secretário Executivo da Secretaria de Turismo do DF, Rodrigo Costa, com o vice-prefeito de Fortaleza, Élcio Batista e o secretário de Turismo da capital cearense, Alexandre Pereira. Foto: Beatriz Bley – Setur DF.

Estão em exposição 23 pinturas feitas em processo de co-autoria, além de fotografias e cadernos de artista. A mostra em Brasília é a primeira etapa da itinerância que pretende passar por Fortaleza e Macedônia do Norte.

 “O projeto de Turismo Cívico Pedagógico é um case da nossa capital, que é única e somente aqui pode surgir uma programação assim. Brasília é a capital de todos os brasileiros e fazer com que as crianças, alunos do ensino fundamental, conheçam a capital do país e possam, fora da sala de aula e por meio de uma rota turística, ir além dos monumentos, aprendendo sobre a história do Brasil, é criar um cidadão com mais amor à pátria e exemplo para as gerações futuras de como unir a educação com a atividade econômica do turismo e alavancar uma plataforma de desenvolvimento que é realidade nos Estados Unidos, na França, na Espanha, na Alemanha e até no Japão”, afirma a secretária de Turismo do Distrito Federal, Vanessa Mendonça.

“A Prefeitura de Fortaleza acredita no potencial criativo da juventude e, sem dúvida, essa será uma experiência muito rica e inspiradora para os jovens participantes, pois estimula o envolvimento do aluno com a história, a cultura, o patrimônio arquitetônico e o potencial criativo dos municípios envolvidos”, disse o secretário de Turismo de Fortaleza, Alexandre Pereira.

O vice-prefeito de Fortaleza, Élcio Batista, acredita que para inovar precisamos cooperar. “É essa soma que faz com que a gente construa cidades mais prósperas e conectadas, estabelecendo um desenvolvimento ancorado na criatividade e na inovação. Fortaleza e Brasília são lugares com muitas afinidades, ligadas não somente pelo design mas principalmente por uma rede artística, cultural e turística. O momento de hoje tem como objetivo projetar nossos múltiplos potenciais, agregando experiências e expandindo conhecimento”, disse o vice-prefeito.

* Com informações da Setur



Fonte: Agência Brasília

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem