Reforço de R$ 184,6 milhões para abastecer serviços de saúde

Um reforço de mais de R$ 184,6 milhões será destinado nos próximos dias à saúde pública local. O valor do crédito suplementar ao orçamento do Fundo de Saúde do DF foi aprovado pelos deputados distritais na noite de ontem (10). O recurso será destinado à aquisição de insumos e medicamentos, além de reforçar o pagamento de contratos com fornecedores e prestadores de serviços no âmbito da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF).

Com isso, será possível abastecer os diversos serviços de saúde pública com medicamentos, materiais e insumos para laboratórios, cirurgias, reagentes, órtese e prótese. Segundo a Secretaria de Saúde, o enfrentamento da pandemia da covid-19 trouxe inúmeros desafios para a pasta e um deles foi o impacto no orçamento.

“A saúde da nossa população é prioridade. Assim que fomos comunicados da necessidade de mais recursos para suprir as aquisições necessárias, enviamos para a Câmara Legislativa o projeto de lei de crédito suplementar”, explicou o governador Ibaneis Rocha. “Agradeço a sensibilidade dos parlamentares que foram ágeis e unânimes na aprovação do texto”, acrescentou.

Para o secretário de Economia, André Clemente, o projeto veio para reforçar os recursos da Saúde em mais um ano de pandemia. “Uma medida que ganha ainda mais importância no contexto do combate à covid-19”, disse.

“A dotação orçamentária liberada pelo governador vai custear os efeitos da pandemia sobre os preços nos insumos, nos contratos de prestação de serviços e aquisições diversas que foram significativamente onerados”, explicou o diretor-executivo do Fundo de Saúde do Distrito Federal, Everaldo De Melo Santos.

*Com informações das secretarias de Saúde e de Economia



Fonte: Agência Brasília

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem