Laboratório que manipulava analgésico com drogas é desmontado na Ceilândia

Policiais militares do 10º Batalhão de Polícia aprenderam um adolescente pelo crime análogo a tráfico de drogas no Condomínio Novo Horizonte, rua 21, na Ceilândia, por volta das 17h, desta segunda-feira (13).

As equipes do Grupo Tático Operacional (GTOp30) através de denúncias feitas pela população da Ceilândia, foram averiguar um local, relatado como sendo um laboratório usado para armazenamento, refino e distribuição de drogas.

Ao chegarem no local, os policiais já visualizaram uma máquina usada para prensa, então foi chamada a moradora do local sendo informado por ela que o equipamento era do seu irmão, e autorizou a entrada dos policiais ao local.

Na busca foi encontrado 2 quilos de maconha, balanças de precisão, vários objetos utilizados par refino de drogas e 2,5 quilos de tetrakaina (analgésico usado topicamente para os olhos, mas que quando é combinado com cocaína e ingeridos em altas doses, a tetra aumenta o efeito depressor do sistema nervoso central, isso causa um efeito inverso, deixando a pessoa mais lenta, a respiração e os batimentos cardíacos vão caindo. Em muitos casos isto pode evoluir para um coma e até a morte).

Os policiais fizeram uma varredura nas imediações, conseguindo localizar o irmão da moradora que assumiu ser o dono da droga e confessar que estava praticando venda e preparo das substâncias entorpecentes.

Ele foi apreendido e encaminhado a DCA II para registro.

 



Fonte: Polícia Militar do Distrito Federal - Ocorrências da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF)

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem