PMDF prende homem portando celular com restrição de crime

Policiais militares do 14º Batalhão foram solicitados por um cidadão na tarde desta sexta-feira, dia 18 de fevereiro. Ele relatou que vendeu seu carro um Fiat Tipo de cor prata, mas ainda não havia recebido o valor acordado pela venda do automóvel. O homem disse ainda ter visto um anúncio da internet onde seu veículo estava sendo vendido num posto de gasolina na DF 130.

Os policiais foram até o posto e identificaram uma pessoa que disse ser o proprietário do Fiat Tipo e que tinha comprado o carro por 2 mil e quinhentos reais. Ele ainda apresentou um documento CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo) de 2019 e um DUT (Documento Único de Transferência) preenchido. O cidadão que havia chamado a PMDF reconheceu o outro que estava no posto de gasolina como sendo a pessoa que ele tinha vendido o carro e confirmou que havia passado a documentação.

Todos foram levados para 16ª DP e lá foi verificado que o celular do homem que estava no posto estava com uma restrição de crime, o que gerou a prisão em flagrante do portador do aparelho. Uma outra pessoa foi na delegacia e disse ter vendido o celular para o preso e que não sabia da restrição. Ele acabou autuado por receptação. A situação da venda do veículo ficou em apuração.



Fonte: Polícia Militar do Distrito Federal - Ocorrências da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF)

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem