Empreendedores do DF criam soluções voltadas para acessibilidade de pessoas surdas


Divulgação - VozLibras

Dois projetos que oferecem acessibilidade para pessoas surdas com uso de tecnologia foram destaque na segunda turma do Cocreation Lab DF, maior rede de pré-incubação de negócios do Distrito Federal. O primeiro colocado foi o VozLibras, um app que usa Inteligência Artificial (I.A) para fazer transcrições em tempo real de libras para texto e vice-versa. O segundo lugar foi para o Moldio, solução que usa o processo de escaneamento digital e impressão 3D para a produção de próteses auriculares. 

O aplicativo VozLibras, idealizado por alunos e professores do SENAI GAMA DF, surgiu a partir da dificuldade do grupo para se comunicar com uma funcionária surda. O uso de aplicativos para tradução em libras não é novidade, mas a maioria não consegue fazer a tradução com eficiência. O diferencial foi o uso de inteligência artificial, representada pelo avatar Julia, a fim de produzir uma solução que permite a captura de voz e sua transcrição para LIBRAS, funcionando também ao contrário - de libras para voz.

Idealizadora do VozLibras, Isabel  Fernanda de Araujo diz que a participação no Cocreation Lab DF “foi um divisor de águas”. Ela destaca que “a metodologia traz muita clareza, auxilia nos processos e ajuda a expandir nossa ideia. Tivemos a possibilidade de criar networking, com mentores de altíssimo nível”. A Moldio, que também se destacou na pré-incubadora, foi convidada para colaborar no desenvolvimento do app.

Aliás, o Moldio foi idealizado depois de uma consulta odontológica de Maria Madalena de Sousa Leite, criadora do projeto. “Na ocasião, o dentista mostrou o processo de escaneamento digital e impressão 3D de próteses. Lembro que fiquei deslumbrada, enquanto observava a impressão rápida e precisa da prótese. Logo pensei, porque não fazer para os moldes auriculares?” Ela inscreveu sua ideia no Cocreation e conseguiu desenvolver um protótipo. 

Divulgação -  Moldio

O CocreationLab DF, aprovado no edital 03/2019 da FAPDF, é realizado por meio de uma parceria entre Finatec, UnB, IFB e Sebrae/DF. A terceira turma já está em andamento em cinco polos: Campus Samambaia/IFB, Faculdade Gama da Universidade de Brasília (FGA/UnB), Universidade de Brasília Edifício CDT/UnB e Instituto Federal de Brasília – Campus São Sebastião.
Postagem Anterior Próxima Postagem