Blefaroplastia é a terceira cirurgia mais realizada no mundo, aponta pesquisa

 Blefaroplastia é a terceira cirurgia mais realizada no mundo, aponta pesquisa

 




A blefaroplastia é realizada para melhorar e ampliar o campo de visão e também para rejuvenescer o olhar.

A blefaroplastia, ou cirurgia plástica de pálpebras, ficou mais conhecida nos últimos anos e ganhou destaque na pandemia. Com o uso das máscaras faciais durante a pandemia que atingiu o mundo inteiro em 2020, os olhos ganharam um novo destaque.

Dados da Academia Americana de Plástica Facial apontam um crescimento de 40% no aumento de procedimentos faciais. Segundo a pesquisa, a blefaroplastia aumentou em 50%, tornando-se a terceira cirurgia mais realizada no mundo e a quarta cirurgia mais realizada no Brasil.

Homens e mulheres procuram diariamente essa cirurgia. Não há idade para a realização do procedimento, variando entre 20 e 80 anos. Porém, deve haver sempre a indicação de um especialista para garantir a preservação da saúde, funcionalidade e harmonia das pálpebras.

A médica oftalmologista Patrícia Rocha explica que “a blefaroplastia é uma cirurgia com grande repercussão estética, principalmente após a pandemia. Quando realizada, ela também melhora o campo de visão do paciente pois, em alguns casos, o excesso de pele nas pálpebras prejudica e, por vezes, pode obstruir parte do campo visual, gerando dificuldade para enxergar e também prejudicando as atividades do dia a dia, como ler, usar o computador, o celular e, ainda, dirigir. É comum usarmos outras técnicas cirúrgicas junto com a blefaroplastia em casos específicos, como a correção de ptose palpebral ou ptose de supercílios”, orienta a especialista.

Mais sobre Patrícia Rocha

Patrícia é membro do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) e também da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Ocular (SBCPO).

É a CEO do espaço de saúde e beleza Códigos da Beleza, em Águas Claras. O espaço conta com um centro cirúrgico com equipe multidisciplinar. A clínica oferece tratamentos e protocolos faciais e corporais e, também, para a estética íntima. 

--
Postagem Anterior Próxima Postagem